Saiba agora o que considerar ao escolher um seguro para carro PCD

7 minutos para ler

Comprar veículo com isenção dos impostos ICMS e IPI é um benefício concedido às pessoas portadoras de deficiência. Porém, esse fator deve ser informado na contratação do seguro para carro PCD.

A principal diferença entre essa situação e o seguro comum é a cobertura dos custos com impostos, pois caso haja um dano de perda total ou roubo, só o seguro específico para PCD vai possibilitar a compra de um veículo nas mesmas condições do atual. Isso porque, como as isenções são concedidas a cada dois anos, o carro a ser comprado para substituir o sinistrado não contemplará os descontos referentes às isenções.

Quer saber o que mais levar em consideração no momento de contratar um seguro para carro PCD? Veja algumas dicas que certamente vão contribuir para sua decisão ao firmar contrato com uma seguradora.

Quais os principais aspectos a serem observados?

Antes de contratar esse tipo de seguro, é importante analisar alguns pontos. Conheça quais são!

Coberturas

Além das coberturas referentes aos impostos mencionadas acima, é necessário atentar para que a cobertura sobre o valor da adaptação, se for o caso, conste no contrato. Também é importante conferir se a seguradora inclui os equipamentos adaptados, também se houverem, na cobertura. Pois algumas empresas não cobrem esse itens no seguro PCD.

Tabela Fipe

A tabela Fipe é uma orientação da média de preços dos veículos no mercado, e algumas seguradoras possibilitam a contratação de 100% ou 110% da tabela. Ou seja, você pode optar por receber, em caso de indenização integral, 100% do valor do mesmo modelo do veículo ali informado ou esse valor da tabela acrescido de 10%.

Principal condutor

Você deve ter muita atenção, no momento de contratar um seguro PCD, pois nem sempre o condutor do veículo será o beneficiário. Sendo assim, as recomendações seguem as mesmas normas do seguro de automóvel sem isenção de impostos.

É necessário determinar o principal condutor, pois o seguro só é permitido ser contratado por pessoas maiores de 18 anos. Caso o beneficiário seja menor, o seguro deverá ser firmado no nome da pessoa que vai conduzir o veículo.

Carro reserva com câmbio manual ou automático

Normalmente o seguro auto tradicional já contempla a cobertura de carro reserva, mas no caso específico do seguro para carro comprado com isenção PCD é importante se atentar qual tipo de veículo é fornecido quando acionada essa cobertura.

Pois, dependendo da seguradora, o carro reserva contemplado na apólice pode vir a ser um modelo mais básico, com câmbio manual e isso talvez acabe tornando-se um problema a depender do tipo de deficiência do segurado.

É possível garantir um carro reserva com câmbio automático com a contratação de cláusula específica no momento da aquisição e escolha das coberturas do seguro. Fique atento a esse ponto!

Pagamento da indenização

O pagamento da indenização de um seguro para carro PCD é paga de maneira diferente dos seguros comuns. Isso ocorre pelo fato de que o valor da compra do veículo é diferenciado, considerando que não foram pagos todos os impostos na aquisição. Nos sinistros que levarem à perda total do veículo, a indenização poderá ser repassada de quatro formas:

  • a seguradora quita montante correspondente a 100% da Tabela FIPE e também se responsabiliza pelo pagamento dos impostos, ou seja, ao final o segurado recebe 100% da tabela FIPE
  • a seguradora quita montante correspondente a 100% da Tabela FIPE, no entanto, apenas depois do segurado pagar os impostos e mostrar os comprovantes;
  • nos casos em que houver previsão no contato de que pagamento não será total, a indenização será limitada à um percentual da Tabela FIPE, que chega em média de 65% a 80% de acordo com o estabelecido previamente;
  • A segura paga o equivalente a 100% da Tabela FIPE, contudo, os impostos serão descontados.

Existem certas situações que o carro pode não estar contemplado na Tabela, então será levado em conta o valor apresentado na nota fiscal e somados a ele os valores dos impostos, que chegam a uma média de 20% a 30%.

Para entender quais dessas alternativas se aplicado ao seguro contratado, você deve ler as cláusulas presentes na apólice.

Agora, caso ocorra uma perda parcial, a segura paga os custos do reparo. Porém, o segurado fica com a responsabilidade pagar o valor da franquia (especificada no contrato) para que o conserto seja feito. As diferenças do montante serão quitadas pela seguradora.

Seguro para PCD: caro ou barato?

Muitas pessoas perguntam se o seguro para PCD é mais caro, mas essa resposta é bem relativa. Depende de cada seguradora e de como ela vai avaliar o seu automóvel para estabelecer o preço do seguro. Os fatores que podem influenciar no valor são:

  • a quantidade de benefícios PCD com os quais o veículo foi adquirido;
  • o modelo do automóvel PCD;
  • as adaptações realizadas;
  • os equipamentos específicos inseridos para as adaptações.

Todas essas considerações são levadas em conta, além da análise de risco quanto ao índice de roubo do modelo de seu veículo e a localidade na qual se reside. Tudo isso é somado para determinar o valor final.

cote-seguro-auto-whatsapp

Como proceder em caso de sinistro?

Quando o sinistro ocorre, é necessário informar imediatamente a seguradora a respeito do acontecido. Nesse momento, você deve oferecer o maior número de informações possíveis, além de realizar um Boletim de Ocorrência e anotar os dados de todos os envolvidos. Após, a empresa vai solicitar os documentos necessários e informar quais são os próximos passos para o recebimento da indenização e demais trâmites.

Como garantir a segurança na contratação do seguro?

Assim como os seguros tradicionais, o seguro para carro PCD requer os mesmos cuidados durante o processo de contratação. Por este motivo, é necessário estar atento à algumas questões. Veja o que pode ser feito para garantir a segurança na aquisição do serviço:

  • realize uma cotação em diferentes corretoras, já que assim será possível identificar o melhor custo/benefício;
  • tente compreender os principais pontos relacionados ao seguro PCD e, dessa forma, evitar qualquer erro que pode prejudicar o recebimento da indenização;
  • analise todas as coberturas disponibilizadas e veja quais delas se adequam melhor às suas necessidades;
  • preencha o formulário para avaliação de risco com atenção e honestidade, já que qualquer erro ou omissão de informações podem gerar problemas com o pagamento das indenizações;
  • não deixe de contratar ou renovar o seguro em cima da hora, já que assim não terá tempo suficiente para realizar uma pesquisa no mercado e definir a opção mais adequada com tranquilidade.

Algumas seguradoras já têm seguro para carro PCD, com isenção de impostos. No contrato, pode ser inserida cláusula de despesas especiais ou a opção de contratar porcentagem adicional ao valor segurado. Porém, é sempre bom contar com ajuda de profissionais especializados e de confiança, como os da Caiuás Seguros, que contam com uma diversificada cartela de seguradoras que prestam serviços de qualidade, com um ótimo preço.

Gostou do nosso post sobre o que considerar ao escolher um seguro para carro PCD? Então, aproveite sua visita no blog para ler veja o que pode levá-lo a perda do seguro do carro e tenha mais informações sobre o tema!

Posts relacionados

2 thoughts on “Saiba agora o que considerar ao escolher um seguro para carro PCD

Deixe um comentário