5 dicas imperdíveis para fazer a pintura do carro durar mais

4 minutos para ler

Pintura de carro: por que é tão importante? É simples: ela é quem chama a atenção e mostra a beleza do veículo. Cuidar da pintura do carro é muito importante também por motivos financeiros, afinal, no momento da venda, um automóvel com a pintura malcuidada e riscada pode pesar muito no valor.

Então, quando pensar em preservar a pintura do seu carro, lembre-se do velho ditado: “é melhor prevenir do que remediar”! Existe apenas uma forma de garantir que aquela pintura original permaneça como nova e continue atraindo olhares: cuidar do veículo com muita dedicação.

Pensando nisso, separamos algumas dicas imperdíveis para você cuidar da pintura do seu veículo e fazê-la durar muito tempo. Confira e boa leitura!

1. Evite exposição ao sol ou ao calor excessivo

Uma das grandes vilãs da pintura de um carro é a exposição a altas temperaturas. O automóvel tem que enfrentar o sol, até porque vivemos em um país tropical e, claro, sabe-se que o clima quente combina muito bem com o interior de São Paulo.

Os raios UV retiram o brilho da tinta do carro. Os veículos de cores pretas ou escuras absorvem mais ainda o calor e, por isso, sofrem mais com o problema. Uma dica relevante é evitar que isso ocorra ao menos quando o veículo estiver parado. Procure sempre por estacionamentos cobertos e, caso tenha, use a garagem de sua residência.

Deixar o automóvel no sol, exposto a temperaturas altas, pode provocar rachaduras na pintura que são imperceptíveis, mas que, no futuro, passam a acumular umidade e podem até virar ferrugem.

2. Coloque capa se não tiver garagem

O uso de capa protetora específica para carros não pode substituir a garagem coberta. No entanto, ela ajuda muito a proteger o veículo durante períodos curtos.

É importante deixar claro que o uso prolongado não é indicado, sobretudo no sol, já que a capa acaba retendo o calor e passa a funcionar como uma “estufa”. Assim, ela expõe a pintura e o veículo a temperaturas ainda mais elevadas. Por isso, é importante saber o momento certo de usá-la.

3. Lave de forma adequada

Lavar o carro regularmente é uma forma de evitar o acúmulo de poeira causado pela poluição. Uma vez por semana é suficiente.

E lembre-se de fazer uma limpeza certa, usando produtos específicos para automóveis e evitando materiais que tenham produtos abrasivos e solvente à base de petróleo na composição, como sabão em pó. E, claro, não utilize detergentes de cozinha e faça o serviço sempre à sombra.

4. Aplique cera regularmente

Todos os automóveis saem da fábrica com uma camada protetora que, ao longo do tempo, vai se desgastando. Com o passar dos meses, tal degradação pode chegar a prejudicar a pintura, causando danos e manchas.

A melhor maneira de criar uma camada protetora novamente é por meio da aplicação de cera. O uso do produto vai garantir uma superfície protegida e com mais brilho, mantendo uma aparência de carro novo.

5. Fuja dos riscos

Estacionar o veículo embaixo de árvores que tenham galhos ou frutos que podem cair a qualquer momento é muito perigoso, já que podem danificar a pintura. Outro hábito inadequado é rodar “colado” à traseira de um caminhão que esteja transportando cascalho ou areia, por exemplo. Procure sempre fugir dos riscos que podem detonar a pintura do seu carro.

Caso você ainda não tenha o costume de cuidar desse item tão importante em um carro, mude os seus hábitos agora mesmo. Manter o veículo encerado e limpo são atitudes simples que vão garantir uma pintura nova e brilhante.

A desvalorização por conta das falhas na pintura de carro é muito comum. Por isso, é extremamente fundamental que se contrate um seguro de automóvel. Afinal, um seguro é indispensável para manter o condutor a salvo no caso de diversos sinistros. É sempre melhor se prevenir de possíveis prejuízos e prezar pela proteção.

Gostou deste post sobre dicas para cuidar da pintura de carro? Então, aproveite para entrar em contato conosco e conhecer os nossos serviços para garantir mais segurança para o seu veículo!

Posts relacionados

Deixe um comentário