Veja quais são os riscos de incêndio em casa que você não conhecia

4 minutos para ler

Por mais que nos sentimos seguros em nosso lar, a verdade é que muitos imprevistos podem acontecer dentro da nossa própria casa. Por mais segura que a sua residência seja, há sempre algumas situações desagradáveis que, muitas vezes, fogem do nosso controle. Esse é o caso de roubos, furtos e do risco de incêndio.

Muitos de nós não damos atenção a esse fato, mas os incêndios ocorrem por inúmeras razões e um mero detalhe pode ser fatal, destruindo uma boa parte dos nossos bens materiais e, inclusive, tornando a nossa permanência no espaço um tanto perigosa.

Sendo assim, nada mais justo do que saber como fugir desse problema, certo? Para ajudá-lo a tomar mais cuidado, selecionamos tudo o que você precisa para proteger o seu lar contra um incêndio. Confira!

Brincadeira de criança

Como já sabemos as crianças não possuem total discernimento sobre os riscos que correm ou que podem causar para as outras pessoas.

Por essa razão, não é raro encontrar os pequenos brincando com utensílios pra lá de perigosos, como é o caso de fósforos, isqueiros, boca de fogão e, até mesmo, fogueiras em terrenos abandonados — prática esta muito comum de acontecer, principalmente, em cidades do interior de São Paulo.

Todo cuidado é pouco! Além de vigiá-los com frequência, é interessante orientá-los sobre o perigo em brincar com fogo ou materiais inflamáveis. Ao longo da conversa é importante não amedrontá-los, mas sim explicar as reais consequências que esses atos podem causar.

Pontas de cigarro

Se você pensa que o hábito de fumar é prejudicial apenas ao fumante, está completamente enganado! Muitos cidadãos têm o péssimo costume de jogar as pontas de cigarro acesas no chão ou pela janela do carro.

Além de contribuir para a poluição do meio ambiente, esse ato, que parece inofensivo, é uma das principais causas de incêndio. Para evitar qualquer acidente, o ideal é certificar-se de que o cigarro está apagado antes de descartá-lo.

Anote a dica: jamais utilize uma lixeira como cinzeiro! O recomendado é usar somente recipientes adequados para essa finalidade, como os próprios cinzeiros.

Vazamento de gás

Um simples descuido dentro de casa pode causar um terrível incêndio. E um bom exemplo disso diz respeito ao posicionamento do botijão de gás na sua cozinha.

O ideal é posicionar o equipamento do lado de fora da casa, evitando assim qualquer tipo de acidente, caso aconteça um vazamento de gás. Também é interessante sempre desligar o registro quando você e a sua família estiverem fora.

Caso tenha filhos pequenos, o ideal é não permitir o acesso de crianças ao fogão, bem como nunca deixar a cozinha por muito tempo quando houver uma panela no fogo. Esse cuidado fará toda a diferença na segurança do seu lar!

Fogos de artifício

Com a chegada das festas de fim de ano ou outras comemorações especiais, não é raro encontrar pessoas que usam os fogos de artifício. Visualmente belos e disponíveis em diversos estilos, esses itens também são altamente perigosos. A primeira recomendação para evitar qualquer acidente é não comprar, em hipótese alguma, fogos de artifício em local clandestino.

Procure adquirir o produto sempre em uma loja credenciada, onde os vendedores são capacitados para prestar as orientações adequadas aos clientes. Após comprar os fogos, vale seguir algumas dicas de segurança, tais como:

  • leia atentamente e siga as instruções da embalagem;
  • use os fogos de artifício somente em áreas abertas;
  • armazene o produto em um espaço seco e frio;
  • nunca reutilize um material que já tenha falhado;
  • jamais direcione os fogos para outra pessoa;
  • nunca acenda os fogos após consumir bebidas alcoólicas;
  • não desmonte o produto.

Outra medida imprescindível para garantir que o seu lar não seja prejudicado é, sem dúvida, investir em um seguro residencial contra incêndio. Esse serviço é indicado para proteger a sua família contra os danos causados acidentalmente ou de forma criminosa. Invista nessa ideia!

Gostou das dicas sobre risco de incêndio e quer continuar acompanhando conteúdos como este? Curta já a nossa página no Facebook!

Posts relacionados

Deixe um comentário