6 dicas para cuidar da moto na quarentena e evitar danos

4 minutos para ler

O isolamento social é a principal estratégia adotada pelos governos de todo o mundo como forma de impedir o contágio e evitar o colapso da saúde provocado pelo vírus Covid-19.

Esse período resulta em veículos parados na garagem, exigindo maiores cuidados para que não se danifiquem com o tempo. Por esse motivo, é importante que você saiba como cuidar da moto na quarentena.

A fim de ajudar nesse processo, separamos 6 cuidados básicos que podem ser aplicados de forma eficiente. Confira!

1. Cheque a carga da bateria

Esse é um dos pontos que mais merecem atenção, já que a falta de uso da moto pode fazer com que ela perca a carga e não tenha capacidade de partida quando você necessitar. Para que isso não aconteça, uma ideia é ligar o veículo e dar algumas voltas no quarteirão para que a bateria seja recarregada pelo sistema elétrico, já que deixar a moto ligada e parada na garagem pode gastar ainda mais carga.

Além disso, tire o fusível central, que, na maioria das vezes, é o de maior tamanho. Dessa forma, o sistema elétrico fica desligado enquanto a moto fica parada. Após, desconecte o polo negativo primeiro e depois o positivo, com a finalidade de economizar a vida útil da bateria.

2. Estacione corretamente

Tenha o cuidado de deixar a moto estacionada em um local onde seja possível evitar o contato direto com fatores externos, como sol, chuva, umidade, entre outros. Faça também uma checagem no motor, pintura, borrachas e demais itens.

As correias e correntes podem sofrer com a deterioração no decorrer do tempo, então, realize uma lubrificação com produtos específicos para isso, que contenham fixador, não acumulem resíduos nem prejudiquem os retentores de borracha.

3. Não deixe os pneus murchos

Outra recomendação para cuidar da moto na quarentena é assegurar que os pneus estejam com a calibragem indicada pelo fabricante, tendo em vista que uma pressão inferior pode estragar a peça, caso ela fique muito tempo parada.

O adequado é apoiar a moto no cavalete central, com o objetivo de evitar que os pneus fiquem sobrecarregados e proporcionar um alívio ao amortecedor traseiro. Caso o veículo não tenha o cavalete, uma alternativa é inserir uma pressão nos pneus superior ao que é recomendado no manual, em torno de 20% a 25% a mais. A finalidade é reduzir possíveis deformações nos pneus.

4. Utilize uma capa de qualidade

O ideal é parar a moto em um local que seja coberto e não a deixar exposta aos fatores climáticos. O ambiente também deve ser plano e ter boa ventilação. No entanto, nem sempre isso é possível. Caso a moto seja estacionada em um lugar descoberto, faça uso de uma boa capa de proteção.

A capa apropriada vai evitar que a moto fique exposta a chuvas, sol ou calor excessivo, o que aumenta a evaporação do combustível e pode provocar o desbotamento da pintura. Em casas com animais domésticos, a capa vai impedir que eles mordam as partes plásticas e que urinem nas rodas, causando deterioração.

5. Encha o tanque de combustível

Deixe o tanque de combustível cheio, tendo em vista que, quanto menos ar tiver no reservatório, menores serão as chances de evaporação e oxidação, o que torna a gasolina mais densa e gera depósitos de goma nos tanques, injetores e tubulações.

6. Cuide das peças de borracha

Averigue as peças de borracha com frequência para identificar se alguma delas apresenta rachaduras. Uma lavada adequada antes de deixar a moto parada e outra antes de voltar a colocá-la para circular é o bastante. Não insira óleo ou demais produtos nas peças.

Agora você já sabe como cuidar da moto na quarentena. No entanto, é necessário ter em mente que, dependendo do modelo e da forma como os cuidados serão executados, alguns veículos podem apresentar problemas enquanto ficam parados. Por esse motivo, é importante contar com um seguro, como o oferecido pela Caiuás Corretora, para se manter tranquilo em seu lar caso algum problema ocorra durante esse período tão complicado.

Quer conhecer melhor os nossos seguros? Então, entre em contato conosco e converse com nosso especialista em seguro de moto!

Posts relacionados

Deixe um comentário