Saiba como se proteger de assaltos ao sair ou chegar em casa

4 minutos para ler

Não tem jeito: quem vive em cidade grande passa um bom tempo se preocupando com segurança. Segundo o Atlas da Violência de 2018, só em 2016 o número de homicídios superou o índice de 60 mil em um ano. Em virtude de tamanha insegurança, as pessoas estão buscando alternativas para se proteger de assaltos e outros tipos de violência.

Muitos não imaginam, mas esses cuidados devem ser tomados, inclusive, na hora de sair e entrar em casa. Isso porque, boa parte dos assaltantes costuma observar e abordar os moradores perto de suas próprias residências.

Pensando nisso, trouxemos neste post alguns truques infalíveis que, com certeza, proporcionarão mais confiança para que você realize as suas atividades com tranquilidade. Acompanhe!

Tenha cuidado com dinheiro e bolsas

A primeira dica para se proteger de assaltos é tomar cuidado com o seu dinheiro e a sua bolsa. Afinal, estes são, justamente, o foco de todo e qualquer assaltante.

O ideal é não carregar grandes quantidades de dinheiro com você. Caso não tenha jeito, procure dividir o valor em diferentes quantias e escondê-las em locais seguros e discretos. Usar uma doleira ou, até mesmo, armazenar parte do valor no calçado, são boas soluções.

Também é essencial tomar cuidado com o modo de carregar a sua bolsa. Sempre que possível, ande com o acessório bem rente ao corpo e coloque a mão sobre o seu fecho.

Não desça do carro em situações suspeitas

Geralmente, os bandidos que estão planejando assaltar ou fazer um sequestro relâmpago, costumam perseguir as vítimas e esperá-las se aproximarem do carro para agir. Por essa razão, é fundamental entrar no veículo e, imediatamente, trancar as portas e dar partida o quanto antes. Esse truque deve ser seguido em qualquer situação, seja em uma rua movimentada ou deserta.

Outra ação bastante comum de bandidos é praticar um sequestro relâmpago utilizando vans. Nesse caso, as vítimas são puxadas ou empurradas para dentro do automóvel sem terem a chance de fugir ou pedir ajuda. Para se manter em segurança, procure sempre olhar ao redor antes de descer do carro. Todo cuidado é pouco!

Instale câmeras de segurança no seu imóvel

Atualmente, muitos moradores estão investindo nas câmeras de segurança para residências. Com essa tecnologia, é possível ter monitoramento 24 horas de todas as atividades que acontecem dentro e ao redor da sua casa.

De todas as vantagens que esse sistema oferece, a maior delas é a praticidade. Você não precisará se preocupar em observar o que está acontecendo no seu lar em período integral.

Afinal, uma empresa especializada fará esse serviço por você e, sempre que necessário, entrará em contato para auxiliá-lo a tomar as devidas providências. Inclusive, as imagens de ações suspeitas ficarão registradas na central de segurança e, se for preciso, será possível utilizá-las para facilitar o trabalho da polícia.

Antes de instalar as câmeras, é fundamental contratar uma empresa séria que trabalhe com equipamentos de alta tecnologia para que o monitoramento seja realmente eficaz.

Faça um seguro para o seu carro

Por último, que tal fazer um seguro para o seu automóvel? Esse cuidado é excelente para quem deseja se proteger de assaltos ou outros problemas inesperados.

Alguns acreditam, de forma equivocada, que esse tipo de seguro tem uma única finalidade: oferecer um guincho em caso de acidentes. Porém, ao contratar esse serviço, você poderá contar com uma boa assistência em tempo integral que cobrirá as seguintes situações:

  • roubo e furto;
  • pane mecânica ou seca;
  • troca de pneus;
  • reparos, dentre outros.

Funciona assim: se, infelizmente, você sofrer um roubo, o seguro pagará um valor de acordo com o contrato. Essa é uma forma de indenizar os clientes e minimizar os prejuízos do acontecimento.

Seguindo essas dicas, você conseguirá se proteger de assaltos e qualquer outro tipo de violência. Vale a pena experimentar!

Para continuar por dentro do assunto, aproveite a visita ao nosso blog e descubra como deixar a sua casa em segurança ao sair de casa por muito tempo.

Posts relacionados

Deixe um comentário