Quais aparelhos são os vilões do consumo de energia em casa?

4 minutos para ler

Com a crise econômica pressionando o orçamento familiar nos últimos anos, realizar um planejamento financeiro e cortar gastos se tornou imprescindível. Nesse aspecto, a conta de luz costuma pesar (e muito) no bolso.

Pensando nisso, decidimos apresentar, neste post, o vilão de consumo de energia em casa — ou melhor, os vilões! Dessa forma, você conhecerá os inimigos da sua conta bancária e aprenderá a detê-los de uma vez por todas!

Ficou interessado? Então, embarque conosco nessa leitura!

Ar-condicionado 

Não poderíamos começar essa lista com um aparelho diferente, concorda? Amado pelos brasileiros, o ar-condicionado é o eletrodoméstico que nos permite sair quase ilesos dos verões.

O problema desse salvador de vidas, no entanto, é que o seu uso por 8 horas diárias pesa bastante no orçamento. Para se ter ideia, o consumo mensal de um ar-condicionado de 10.000 BTU, por exemplo, pode chegar a 324 kWh por mês, aumentando a conta de energia consideravelmente.

Para driblar esse obstáculo, é importantíssimo garantir que o consumo do aparelho seja mais eficiente. Uma boa forma de fazer isso é manter o filtro limpo e acertar a temperatura ideal — 23 graus, por exemplo. Isso porque a sujeira e as temperaturas muito baixas tendem a forçar mais o aparelho, fazendo com que consuma ainda mais energia.

Chuveiro elétrico

Se, no verão, o ar-condicionado se faz essencial, no inverno, a estrela é o chuveiro elétrico. Grandes consumidores de energia, os chuveiros são indispensáveis no cotidiano de muita gente.

Se esse é o seu caso, a nossa dica é que você tome banhos de, no máximo, 10 minutos e deixe a ducha na posição verão sempre que possível, pois ela consome até 30% menos energia. 

Computador e Notebook

Muito utilizados e, por isso, alarmantes, o notebook e o computador também são grandes vilões do consumo de energia em casa. 

Enquanto o computador consome, aproximadamente, 80W por hora quando está ligado e 21W quando está em repouso, o notebook — desligado — consome 15W por hora.

Se você tem a péssima mania de deixá-los na tomada quando não estão em uso, pare imediatamente e veja a redução na fatura.

Televisão

Quem, nesse planeta, desliga a televisão da tomada? Quase ninguém — mas deveria! Isso porque o aparelho consome energia — até 3W por hora —, mesmo que esteja em standby.

Nossa recomendação, portanto, é a de retirar a TV da tomada quando não estiver assistindo. Temos certeza de que a sua conta de luz vai diminuir um pouquinho com essa simples prática!

Cafeteira

Assustado com esse item? Pois é! Embora pareça inofensivo, manter o café quentinho custa caro. São 30 KWh por mês se a cafeteira for ligada diariamente por 1 hora.

A nossa sugestão para diminuir o consumo e economizar é simples: abra mão do eletrodoméstico e invista em uma garrafa térmica.

Carregador de celular

Atire a primeira pedra quem nunca deixou o carregador do smartphone conectado à tomada, mesmo sem estar carregando o celular. Apesar de parecer inocente, esse mau hábito também faz diferença no valor da energia.

O consumo aproximado de um carregador em uso é de 1W a 5W por hora — ainda que o aparelho já esteja completamente carregado — e de 0,26W por hora quando não está em uso.

Agora, imagine o resultado disso no fim do mês. Imaginou? Pois é! Apostamos que agora você nunca mais deixará o carregador ocioso na tomada!

Como vimos, pequenos hábitos podem impactar a sua conta positivamente ou negativamente no fim do mês. Se você está cansado de lidar com os vilões do consumo e se sente roubado cada vez que paga uma fatura, reveja os seus costumes, coloque em prática as nossas dicas e, por fim, veja a mágica acontecer na conta seguinte.

Gostou do nosso post? Deixamos algum vilão de consumo de energia em casa de fora do nosso artigo? Conte-nos nos comentários! 

Posts relacionados

Deixe um comentário