Fique por dentro de 3 problemas mecânicos mais comuns no carro

4 minutos para ler

Antes de comprar um veículo usado, ou sair de viagem em um automóvel que já é seu, é importante verificar o estado no qual ele se encontra. Esse cuidado simples de procurar pelos problemas mecânicos mais comuns no carro pode, até mesmo, evitar acidentes.

Levando em consideração que muitas pessoas não entendem de mecânica, o que é natural, este conteúdo foi elaborado com informações para auxiliar na busca e identificação de defeitos e anormalidades em veículos.

Portanto, continue a leitura para conhecer 3 dos problemas mecânicos mais comuns no carro e descubra como resolvê-los!

1. Motor

Quando uma pessoa pensa em um automóvel, é bem provável que o primeiro componente que venha a sua mente é o motor. Nada mais justo, uma vez que esse item, responsável pela produção de energia para o veículo, pode ser considerado seu coração.

Analisando a importância do componente, não é difícil chegar a conclusão de que quando ele apresenta falhas é um grave problema.

Entre os problemas que o motor pode apresentar, podemos citar o rompimento da correia dentada. Quando isso ocorre, ele não é mais capaz de funcionar e precisa ser retificado, um serviço que tem um alto custo.

Outro item do motor, que pode apresentar falhas e afetar seu desempenho, são as velas. Quando elas estão demasiadamente velhas, ou gastas, podem aumentar o consumo de combustível do veículo e em alguns casos impedi-lo de funcionar.

A maneira mais eficiente de evitar eventos como esses é garantir a manutenção constante do veículo e, quando necessário, substituir as peças em questão, de acordo com a orientação do fabricante.

Normalmente, quando o motor do carro começa a apresentar problemas, seu som muda. Um motorista mais experiente, ou atento, é capaz de identificar a diferença.

Embora reconhecer o problema apenas pelo som possa ser difícil, o carro apresentará outros sinais claros, como dificuldades para dar a partida e engasgos. Essa é a hora de levá-lo ao mecânico, para que reparos sejam feitos, antes que suas peças sofram um desgaste maior.

2. Suspensão e amortecedores

O crédito do conforto oferecido pelos carros modernos é, quase que majoritariamente, de responsabilidade da suspensão e dos amortecedores. Sem essas peças, a trepidação do veículo seria um incômodo para o motorista e seus passageiros.

A situação de nossas estradas, que está longe de ser das melhores, coloca grande pressão justamente sobre esses componentes, o que agrupa os defeitos deles entre os problemas mais comuns no carro, ao menos no Brasil.

Defeitos na suspensão e amortecedores podem ser identificados com facilidade, isso graças a seu ruído característico. Além disso, a avaria faz com que o motorista sinta a trepidação enquanto dirige. Caso seu carro apresente algum desses sinais, deve ser levado ao mecânico imediatamente para que as peças sejam substituídas.

3. Bateria

No dia a dia corrido, que muitas vezes vivenciamos, alguns cuidados importantes tendem a ser deixados de lado. Não atentar para o prazo de validade da bateria de um veículo e não avaliar com frequência o estado no qual ela se encontra podem ser listados entre eles.

Essa atitude simplesmente impede que problemas no componente sejam identificados com antecedência, de modo que, sua falha pode ocorrer nos momentos menos propícios e gerar graves problemas. Para evitar essa situação, é necessário que o dono do veículo respeite a validade de sua bateria e que, ocasionalmente, permita que um profissional habilitado a verifique.

Se levarmos em consideração as informações que foram apresentadas, é fácil presumir que o caminho mais eficaz para aumentar a vida útil de um automóvel e garantir seu uso quando necessário é fornecer a ele uma manutenção preventiva. O motorista, que deseja evitar dores de cabeça desnecessárias, precisa tomar esse cuidado.

Mas e você, já passou por algum momento difícil ao enfrentar um desses problemas mecânicos mais comuns no carro? Como lidou com a situação? Deixe um comentário e compartilhe sua experiência conosco!

Posts relacionados

Deixe um comentário