O que analisar ao contratar um seguro para moto?

4 minutos para ler

Para muitos, andar de moto não é apenas um meio de transporte, mas também uma paixão: é uma experiência libertadora! Por garantir a fuga de horas de trânsito, o uso da moto, ainda, confere um deslocamento mais rápido. Contudo, é preciso ter cautela para aproveitar as estradas com segurança.

Isso envolve blindar sua motocicleta contra sinistros. Mas o que é importante considerar na hora de escolher um seguro para moto? Veja, abaixo, algumas dicas que preparamos para você!

Considere a reputação da seguradora

O objetivo de contratar um seguro é poder ficar mais tranquilo em relação a acontecimentos não esperados e possíveis prejuízos. Pensando nisso, é preciso — antes de qualquer coisa — escolher uma seguradora de confiança. Se você tiver que esquentar a cabeça por conta de sinistros, de nada adiantará a contratação.

Busque alternativas conhecidas positivamente no mercado, além de consultar indicações de pessoas próximas que já façam uso do serviço. A internet também é uma grande auxiliadora nessa busca: você pode pesquisar as reclamações sobre as empresas e ver o que estão falando a respeito dela, seja positivo ou negativo. Então, invista nas pesquisas!

Informe-se sobre o que exatamente o seguro cobre

É preciso que você saiba exatamente o que quer contratar e pelo que vai pagar para não comprar gato por lebre! As seguradoras geralmente oferecem coberturas básicas e adicionais, sendo que cada uma delas têm suas particularidades. Despesas excepcionais — gastos com capacetes e luvas, por exemplo — e danos causados a terceiros geralmente são serviços adicionais.

Furtos, roubos, incêndios e colisões geralmente estão incluídas nas coberturas básicas, seja o dano parcial ou total. Também são serviços básicos: remoção e assistência em decorrência de pane seca, assistência para sucessão de trajeto ou viagem, além de assistência para espera do reparo da motocicleta. Existem algumas empresas de seguro que cobrem mão de obra gratuita — inclusive para ajustes e reparos feitos em casa a caráter emergencial.

Atente-se aos possíveis contratos e valores

As coberturas oferecidas pelos seguros não são todas iguais, e as condições e ofertas também não. Apesar de existir a facilidade da cotação online, é importante que você fique atento às cláusulas do contrato que vai assinar e, é claro, tenha certeza de que está contratando o melhor seguro de acordo com as suas necessidades e uso da motocicleta.

O valor do seguro depende do caráter da contratação (o que ele vai cobrir, em qual região você roda — considerando o índice de roubos e furtos de motos — etc). Ao preencher a ficha de simulação do seguro, é preciso ser incisivo e não omitir informações. Caso a seguradora constate que há informações incompatíveis com a realidade, você pode invalidar a cobertura, não recebendo a indenização caso ocorra algum sinistro.

Fique de olho nos benefícios oferecidos

Vantagens extras — além dos serviços adicionais e básicos — variam da empresa de seguro contratada e também da modalidade de cobertura escolhida, mas de modo geral são bem frequentes no mercado. Há seguradoras que oferecem descontos em determinadas oficinas, assistência com funcionamento 24 horas, bem como a obtenção de descontos na aquisição de acessórios para moto.

Ao seguir essas dicas, você vai ter em mãos uma análise pontual sobre as propostas de seguro para moto e será capaz de optar pelo que melhor atende as suas condições. Uma dica extra: converse com um dos nossos especialistas, ele é a pessoa mais indicada para orientá-lo.

E aí, gostou das dicas? Ficou com alguma dúvida ou quer saber mais sobre seguro para moto? Então, entre em contato conosco!

Posts relacionados

Deixe um comentário