Bateram no carro e fugiram: saiba o que fazer

3 minutos para ler

Bateram no carro e fugiram, e agora? Esse tipo de situação pode ocorrer com qualquer um de nós, mas o infrator que mente ou escapa para fugir da própria responsabilidade em um acidente é um desafio até para os motoristas mais experientes. 

Por isso, todo carro precisa de seguro. É ele que impede que você saia no prejuízo em situações como essa. Entenda como acontece o acidente de trânsito sem prestação de assistência ou socorro do outro motorista e o que fazer se essa situação ocorrer com você!

Importância do seguro auto

É provável que, ao adquirir seu primeiro veículo, você tenha procurado um meio de proteger esse bem. O seguro de automóveis existe para lidar com esse tipo de situação, evitando que o dinheiro investido no carro seja perdido em batalhas judiciais com um condutor irresponsável ou que você tenha que arcar com o prejuízo do próprio bolso.

Uma batida, mesmo que resulte na fuga do condutor responsável, está entre as avarias com as quais a empresa seguradora deve arcar. Mas fique atento: conheça bem as coberturas da sua apólice e fale sobre os termos do contrato com o seu corretor.

Busque também entender qual é o procedimento da seguradora para cobrir sinistros. Ter essa informação antes que um acidente aconteça tornará a sua vida muito mais fácil.

cote-seguro-auto-whatsapp

Situação 1: bateram no carro e fugiram, mas não tenho seguro

Começamos este texto falando do seguro auto por um motivo muito simples: é ele que vai salvá-lo de arcar com o prejuízo de uma colisão caso o condutor responsável não tenha sido identificado.

Ainda que colidir e fugir seja um crime previsto no Código de Trânsito Brasileiro, e o motorista responsável pela batida esteja passível de responder por danos morais, materiais e até possa perder o direito de dirigir — mesmo que em um acidente sem vítimas —, encontrá-lo será improvável sem mais informações sobre o veículo ou a captura de vídeo do dia do acidente.

Fazer o Boletim de Ocorrência é o primeiro passo para ter recurso legal frente a esse tipo de prejuízo. Processar o condutor é um ato oneroso e demorado, mas é a melhor maneira de reaver o dinheiro e punir o motorista quando ele tem esse tipo de comportamento ilegal.

Situação 2: bateram no carro e fugiram, mas tenho seguro

Se bateram no seu carro e fugiram, mas você tem seguro auto, não há com o que se preocupar. Embora formalmente o culpado pelo prejuízo seja o responsável por cobrir os danos, quando ele é um no-show, basta acionar a seguradora e fazer a comunicação de sinistro.

Isso impedirá que você fique com a conta para pagar. Destaca-se que, munido do Boletim de Ocorrência feito em delegacia, o contato de testemunhas e as imagens de câmeras no local do acidente, você terá facilidade de receber a assistência da sua seguradora.

Bem, com as nossas dicas, você já sabe o que fazer se alguém bater no seu carro e fugir! Ainda ficou com alguma pulga atrás da orelha em relação ao procedimento? Deixe um comentário!

Posts relacionados

Deixe um comentário