Prevenção a imprevistos: a importância do seguro

3 minutos para ler

Muito se fala sobre a necessidade de aderir a um serviço de seguros, sobre os possíveis imprevistos da vida e a necessidade de estarmos sempre preparados para casualidades. Essas afirmações são comuns e verdadeiras, mas você já parou para se perguntar a real importância do seguro?

Se você, assim como várias pessoas, nunca tinha pensado a respeito do assunto, nós preparamos este texto para lhe orientar! Confira!

O que são seguros?

Os seguros são contratos, feitos entre um indivíduo (uma pessoa física ou uma empresa) e uma seguradora.

O primeiro compromete-se a pagar um valor específico por ano — que pode ser dividido em até 12 parcelas — ao segundo que, por sua vez, assume o compromisso de cobrir perdas financeiras correspondentes durante o período da apólice.

O seguro de automóveis

Esse seguro pode cobrir o segurado em situações de roubo, furto, danos materiais (como enchentes, acidentes etc.) e danos a terceiros. Ele funciona como um meio de proteger o segurado contra danos no próprio carro — ou em automóveis de terceiros, caso contratado assim.

As seguradoras oferecem outras opções. É preciso negociar para adequá-las à apólice. É possível assegurar o som do carro, faróis e qualquer outro item que for necessário. Basta fazer uma negociação clara com a empresa que fornece o seguro e tentar chegar no modelo ideal de apólice.

As despesas imprevistas

Durante a nossa vida, deparamo-nos com diversas situações não muito agradáveis. Algumas delas podem acarretar em sérios problemas para nossas finanças. Assim, é fundamental estarmos preparados para essas eventualidades.

Por exemplo, um carro roubado, o dano causado a um automóvel mais caro ou um acidente com sérios danos em seu veículo pode gerar custos astronômicos. Nessas horas, como lidar com a situação?

Por esse motivo é necessário ter um bom planejamento financeiro. Ele será essencial para proteger você e a seus familiares nesses momentos, garantindo sempre a segurança do patrimônio e das finanças.

A importância do seguro

Pensemos, agora, no seguro como uma das formas de ter a segurança que foi citada acima. Ele proporciona um planejamento financeiro direto, por meio de seu custo, ao mesmo tempo que protege o segurado no caso de eventualidades.

Pagar, por exemplo, doze parcelas durante o ano é uma maneira de se preparar. Ao aderir a essa forma de planejamento as parcelas podem ser incluídas no orçamento familiar, gerando uma pequena despesa por mês, mas protegendo o patrimônio contra imprevistos.

Assim, ao pagar um valor fixo mensal, você estará protegido contra gastos de grandes montantes no sinistro do seu carro, ou no veículo de terceiros, por exemplo. Resguardando, dessa forma, o seu patrimônio.

Por esses motivos é importante analisar bem se é, ou não, uma boa opção fazer uso do serviço de seguros. É preciso considerar se a família tem seu patrimônio protegido e um planejamento financeiro bem estruturado que possa suportar despesas extras. Dessa forma é possível mensurar a importância do seguro.

Quer saber mais sobre seguros? Nos siga em nossa página do Facebook e fique por dentro das novidades!

Posts relacionados

Deixe um comentário